quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015

QUEM FOI VOCÊ?

QUEM FOI VOCÊ?
(Marco Valladares/Carlinhos Bernas)


Do nada você chegou...
Tão pouco você ficou...
Fingiu...
Mentiu...
Saiu...
Se felicidade havia
Você, na pressa, nem viu!


Tentei zangar...
Tentei brigar...
Tentei chorar...
Mas não deu!
Na sua pressa em partir,
Você nada deixou de seu!


Queria sentir saudade...
Queria lembrar seu rosto...
Até seu nome eu esqueci!
Sua pressa te fez em nada
Nesse mesmo peito vazio
Que te faria amada!


Agora fico aqui olhando
Essa cicatriz no meu peito,
Tentando em vão lembrar
De quem fez essa ferida,
Mas confesso: Não tem jeito!


Do nada você chegou...
Tão pouco você ficou...
Fingiu...
Mentiu...
Saiu...
Se em mim você existia,
Também depressa sumiu!


Se em mim você existia,
Também depressa sumiu!


Se você em mim existia,
Também depressa sumiu!


Nenhum comentário: