segunda-feira, 21 de março de 2011

O MONSTRO IMPERIALISTA

A esquerda brasileira precisa perder esse complexo de coitadinho ameaçado e reformular seus discursos contra o monstro imperialista! Nossa esquerda sempre coloca o Brasil como o pobre coitado babaca que vai ser enganado pelo esperto interessado na nossa riqueza! Cada vez é uma ameaça nova (agora é o pré sal) para justificar o velho e ultrapassado discurso contra um inimigo que não existe! O maior monstro que o Brasil enfrenta está aqui dentro desde o período colonial, devora nossas riquezas e ninguém extermina: a corrupção! Nenhum dirigente mundial, por mais que se esforce, conseguirá usurpar os cofres públicos como os nossos próprios 'representantes' fazem! Eu adoraria ver um digno dirigente do MST, por exemplo, garantir que todos os assentamentos estão sendo usufruídos pelos legítimos donos! Não sou defensor da política externa dos EUA. Apenas não aceito que continuemos vendo o Brasil como sendo sempre o otário nas negociações. Essa síndrome de colônia extrativista trabalhando em prol do enriquecimento do colonizador já passou da hora de ser posta de lado! Ou a esquerda brasileira assume que já atingimos a maioridade e que é hora de parar de procurar culpados e trabalhar, ou cai no ridículo! Esta semana li e ouvi discursos que pareciam reeditados de 30 anos atrás! A coisa foi tão revivescente que até a UNE ressuscitou! Mas há muito tempo que eu não vejo uma posição da mesma UNE em relação ao sucateamento das universidades públicas brasileiras! Quem sabe mais umas duas ou três visitas do Obama e certas instituições relembram o significado de protestar e cumprem suas funções! Pronto! Opinei! Falei! Cansei! Parei!

2 comentários:

Lilaks disse...

Adorei, concordei, assino embaixo!!!

Régis Calheira disse...

Sempre genial ! Parabéns !